Os grupos portugueses Throes + The Shine e Paus editam álbuns novos esta segunda-feira - «Mambos de outros tipos» e «Clarão», respetivamente - que apresentarão ao vivo em Portugal e no estrangeiro ao longo das próximas semanas.

Os Throes + The Shine gravaram este ano no Porto «Mambos de outros tipos», segundo álbum de originais e que aprofunda a estética musical já registada anteriormente, juntando dois universos aparentemente distantes: o rock e os ritmos africanos do kuduro.

Do grupo fazem parte os angolanos André do Poster (voz), Diron Romão (voz) e os portugueses Igor Domingues (percussão), João Brandão (baixo) e Marco Castro (guitarra e teclados).

«Mambos de outros tipos» junta-se ao EP «Batida» (2011) e ao álbum «Rockuduro» (2012) e será apresentado no sábado no Musicbox, em Lisboa, e a 24 de maio no Plano B, no Porto.

No final de maio estarão na Suíça, onde darão quatro concertos, seguindo-se viagem em junho até França.

No ano passado, os Throe + The Shine somaram vários concertos no estrangeiro, com passagem pelo festival dinamarquês Roskilde.

Os Paus, nascidos em Lisboa em 2010, apresentarão na quarta-feira, na discoteca Lux, em Lisboa, o segundo álbum de originais, «Clarão», feito depois da saída de João Pereira (Shela) e da entrada do guitarrista Fábio Jevelim, que se junta a Makoto Yagyu (sintetizadores e baixo) e aos bateristas Joaquim Albergaria e Hélio Morais.

«Clarão» surge três anos depois do álbum de estreia, «Paus», e dominam as canções instrumentais, mais ruidosas e densas, com mais efeitos de eletrónica, como «Pontimola» e «Nó», com algumas vocalizações de Joaquim Albergaria e Hélio Morais, como em «Bandeira Branca» e «Cume».

Depois de Lisboa, os Paus apresentarão «Clarão» na sexta-feira no Hard Club, no Porto, seguindo-se a Semana Académica de Barcelos (08 de maio), e, já no verão, os festivais OptimusAlive (julho) e Fusing, na Figueira da Foz (agosto).

No ano passado, os Paus assinaram contrato internacional com a El Segell, editora fundada pelos criadores do festival espanhol Primavera Sound, que os levou a uma digressão por Espanha.