Enrique Iglesias cortou-se na mão direita ao tentar apanhar o drone que sobrevoava o concerto de sábado em Tijuana, México. O cantor, de 40 anos, foi socorrido de imediato e regressou ao palco para continuar o espetáculo, que faz parte da digressão "Sex and Love". 

Segundo o assessor do cantor, Joe Bonilla, o drone, que costuma ser usado nos concertos do artista, serve para fazer imagens do público que são projetadas em ecrãs gigantes durante o concerto.

"Em algumas noites, o Enrique pega no drone para mostrar ao público um plano subjetivo. Alguma coisa correu mal e ele teve um acidente. Ele decidiu continuar e cantou durante 30 minutos enquanto continuava a sangrar", contou Bonilla, à AFP.


Após o concerto, Enrique Iglesias foi levado para o hospital em Los Angeles, nos EUA, "para ser atendido por um especialista", revelou o assessor, acrescentando que o artista está de repouso.

"Ele foi levado para o aeroporto, onde uma ambulância o aguardava. Depois, foi colocado num avião para Los Angeles para ver um especialista", contou Bonilla.


Os fãs que assistiam ao concerto usaram as redes sociais para publicar várias fotos do acidente.