O músico português Old Jerusalem edita esta semana o álbum "A rose is a rose is a rose", um registo que tem "uma certa elegância", que se conquista com a maturidade, como contou à agência Lusa.

Old Jerusalem é Francisco Silva, músico do Porto que há mais de uma década edita com regularidade discos de indie folk, entre os quais "Twice the humbling sun" (2005) e "The temple bell" (2007).

Nesses discos, o processo de composição era uma rotina - "começar com o que soa bem, quer seja na letra, quer seja a partir da música" - quebrada agora com o novo álbum, que o torna diferente, "tanto no método como no resultado".

"A rose is a rose is a rose" tem um registo profundo e acústico e conta com músicas como Charm” e “Airs of Probity”.

Old Jerusalem é um projecto musical criado em 2001.