Assim fala José Mourinho, o treinador português do Manchester United:

“Hoje é um dia muito importante para nós. Todos temos um trabalho para fazer e eu prciso que todos deem 110 por cento. Vocês são uma boa equipa – a melhor. Mas, hoje, preciso que sejam ainda melhores. Precisam de estar focados, de proporcionar a qualidade e o tipo de desempenho a que os adeptos ficaram acostumados. Temos de estar seguros de que vocês criam algo que é mesmo especial. Boa sorte lá fora. Deem às pessoas o que elas querem.”

Assim falou Mourinho na pele de «manager», não da sua equipa de futebol, mas da Jaguar, no dia em que a marca britânica iria fabricar a unidade 100 mil do F-Pace.

O F-Pace é o Jaguar a ter chegado mais rapidamente às 100 mil unidades: Mourinho foi o cliente escolhido para receber o SUV no seu papel de embaixador da marca.

“Em 2004, fui o primeiro cliente no Reino Unido a receber o F-Type Coupe e ser agora o cliente 100 mil do Jaguar F-Pace é algo muito especial”, afirma o setubalense.

Mas o dia não foi só especial para Mourinho – foi também para a fábrica da Jaguar, com a presença do técnico português.

Neste dia, Mourinho foi técnico, não de futebol mas da supervisão do fabrico do F-Pace. O trabalho começou com a palestra que já se referiu. Depois, foi por mãos à obra – não no relvado, mas na linha de montagem.