Chamam-lhe a “estrada mais perigosa do mundo”. E é fácil perceber porquê. Tem 99 curvas, muitas delas em “U”, e 11 quilómetros de extensão. Uma estrada “para homens de barba rija”, portanto. Agora saiu do anonimato. O responsável? Fabio Barone.

O italiano bateu o recorde da estrada Tongtian, conhecida pela alcunha de “Estrada Milagre”, na montanha Tianmen, na China. Barone fez os quase 11.000 metros em dez minutos e 31 segundos. O bólide escolhido, obviamente italiano, neste caso um Ferrari 458.

A proeza foi feita a solo, sem navegador, porque Barone não queria colocar a vida de outra pessoa em risco. “Estava consciente de que não havia margem para erros. Era proibido cometer erros”, afirmou o piloto de Roma.