O Bloco de Esquerda (BE) reúne hoje em Lisboa a Mesa Nacional, órgão máximo do partido entre convenções, onde discutirá a situação política atual e as próximas eleições europeias, a realizar a 25 de maio.

O partido foi desafiado recentemente pelo manifesto 3D para uma candidatura conjunta ao sufrágio de maio, com o coordenador do Bloco João Semedo, na resposta, a afirmar que o partido não se vai diluir em «qualquer outra candidatura» às eleições europeias.

«Em nenhuma circunstância, o Bloco de Esquerda abdicará de se candidatar às próximas eleições europeias. Recusamos diluir-nos em qualquer outra candidatura e recusamos qualquer solução que faça desaparecer o Bloco de Esquerda», disse recentemente João Semedo à agência Lusa.

Posteriormente, mais de 50 militantes do Bloco de Esquerda (BE) subscreveram um texto onde pedem à coordenação do partido que dê início a um processo de «auscultação interna sobre a estratégia a seguir nas próximas eleições europeias«, que, dizem, deve passar por uma «convergência à esquerda».

Este texto é subscrito por 52 militantes do BE, entre os quais João Madeira, Albérico Afonso, Helena Carmo ou Teodósio Alcobia, que pertenciam à moção B, contestatária do rumo seguido pela direção do partido e que na última convenção elegeu cerca de um quarto dos membros da Mesa Nacional.

«Do nosso ponto de vista faz todo o sentido que o BE se empenhe num esforço de convergência à esquerda, colocando claramente na ordem do dia a necessidade de pôr fim à austeridade e de renegociar a dívida, a recusa do sufoco de novos resgates e memorandos, independentemente da forma de que se possam revestir, o combate às injustiças na distribuição dos rendimentos e a defesa dos serviços públicos, do Estado Social e da dignificação do trabalho», pedem estes bloquistas.

O posicionamento do partido para as próximas europeias será portanto um dos temas maiores da Mesa Nacional de hoje.

Ainda na preparação para o sufrágio, o BE juntou recentemente cerca de 40 personalidades que foram convidadas a «pensar alternativas na Europa».

Entre as várias personalidades convidadas estiveram presentes António Pinho Vargas, Alfredo Barroso, Jacinto Lucas Pires, Vera Correia, José Luís Peixoto, João Salaviza e Ana Luísa Amaral.

O partido tem prevista uma conferência de imprensa para hoje, às 17:00, onde a coordenadora Catarina Martins apresentará os principais resultados da reunião da Mesa Nacional.