Uma mega operação das autoridades norte-americanas detiveram quase mil membros de gangues, segundo o anúncio feito esta quarta-feira.

A operação foi liderada pelos serviços de imigração e fronteiras dos Estados Unidos, que desencadearam a operação «Project Wildfire» em 282 cidades e que culminou em 976 detenções.

Os detidos, segundo apurou a Reuters, pertencem a 239 gangues. A maioria são cidadãos americanos, mas há nacionais de outros 18 países entre os presos.

Dos 976 detidos, 916 estão acusados por crimes vários e 63 por violação das leis da imigração.

A operação, que decorreu entre 23 de fevereiro e 31 de março, visava desmantelar os gangues que atuam ao longo da fronteira.

A polícia também apreendeu material diverso, armas e droga.