Todos os aviões da Air France que aterram no aeroporto venezuelano de Maiquetía, em Caracas, estão a ser inspecionados depois de uma ameaça de bomba, no sábado, informou no domingo o Governo da Venezuela.

Caracas pediu ao Ministério do Interior francês o «envio de técnicos especializados» para colaborarem com os serviços de informações venezuelanos na «inspeção de todos os aviões [da Air France] até que a informação [de uma eventual bomba] possa ser invalidada», declarou o ministro do Interior e da Justiça venezuelano, Miguel Rodríguez Torres, à televisão pública.

Na noite de sábado, um voo da Air France, que ia fazer a ligação entre Caracas e Paris, foi cancelado devido a um alerta das autoridades francesas para a possível presença de uma bomba a bordo, o que se revelou falso com uma inspeção levada a cabo por 65 especialistas.