A chanceler alemão Angela Merkel afirmou, este sábado, que os países dos Balcãs do oeste têm uma «perspetiva clara de aderir» à União Europeia (UE), ainda que o caminho seja «longo».

«Nós apoiamos a adesão. Simplesmente, acreditamos que não temos coisa alguma a ganhar se os critérios não forem respeitados. E há critérios muito claros para as etapas de aproximação à UE», disse a responsável política da Alemanha, citada pela agência noticiosa France Presse.

Angela Merkel, que na quarta-feira deverá encontrar-se com o primeiro ministro sérvio, Aleksandar Vucic, em Berlim, referiu «critérios claros, respeito pelos tratados" como necessários e que "a perspetiva para os Balcãs é clara».