Pelo menos três pessoas morreram e 19 continuam desaparecidas depois de um deslizamento de terras ocorrido esta segunda-feira na província chinesa de Yunnan, sudoeste do país, revelou a agência Xinhua.

O acidente aconteceu às 06:00 locais (23:00 de domingo em Lisboa) na localidade de Dai-Jingpo, localizada em Dehong, perto da fronteira com a Birmânia.

O «rio» de lama soterrou 13 casas e provocou danos em estradas perto da aldeia onde as equipas de socorro conseguiram retirar 79 pessoas, quatro delas feridas.