Pelo menos 22 pessoas morreram e 31 ficaram feridas na sequência de um atentado ocorrido no oeste do Paquistão contra dois autocarros que transportavam peregrinos da minoria xiita, informou a agência Efe.

O ataque ocorreu na noite de terça-feira contra dois veículos que transportavam 103 peregrinos entre a cidade de Taftan, próxima da fronteira com o Irão, e Quetta, capital da província do Baluchistão, disse o secretário do Interior provincial, Asad Gilani.

Entre 80 e 100 quilos de explosivos foram usados no atentado, ocorrido a 45 quilómetros de Quetta, disse o mesmo responsável à televisão local Geo.

Todos os passageiros de um autocarro morreram e os que viajavam no outro sobreviveram. Outros quatro veículos sofreram danos devido à explosão.

O grupo terrorista sectário Lashkar-e-Jhangvi reivindicou a autoria do atentado.