Cinco pessoas morreram no sábado num tiroteio na localidade suíça de Wurenlingen, cantão de Aargau (a 45 minutos de Zurique), anunciou este domingo a polícia cantonal.

O número de vítimas foi confirmado há pouco por um porta-voz policial, que indicou que o autor dos disparos será um dos mortos. Anteriormente tinha sido avançado que seriam seis as mortes confirmadas.

Segundo a Reuters, o atirador seria familiar de algumas das vítimas.

O incidente ocorreu após as 23:00 locais (22:00 em Lisboa) de sábado e foram os vizinhos que avisaram a polícia depois de ouvirem os disparos.

Os serviços de emergência encontraram vários cadáveres, tanto ao ar livre como dentro de um edifício próximo.

Todos os mortos são adultos. A polícia está a tentar identificar as vítimas e as circunstâncias que levaram ao tiroteio.

Segundo o "Daily Mail", que cita fonte da polícia, o incidente não está relacionado com terrorismo, e o tiroteio terá começado após uma discussão familiar.

Ainda segundo o diário britânico, o atirador terá cometido suicídio logo após os disparos.