Um telescópio australiano detetou um sinal emitido pela galáxia PKS B1740-517, situada perto da constelação de Ara, o qual tinha sido lançado há 5.000 milhões de anos, informaram hoje fontes científicas.

A galáxia foi descoberta pelo telescópio SKA Pathfinder (ASKAP), da Organização para a Investigação Industrial e Científica da Commonwealth da Austrália (CSIRO), no Observatório Radioastronómico Murchison, a 790 quilómetros da cidade de Perth.

Segundo destacou a CSIRO em comunicado, a descoberta vai permitir conhecer um período da história do universo pouco estudado.