O advogado de Donald Trump confirmou esta quarta-feira que pagou do seu bolso 130 mil dólares a uma atriz pornográfica, a qual terá tido, em 2006, um encontro sexual com o magnata norte-americano.

Segundo o New York Times, que recebeu um comunicado do advogado Michael D. Cohen, este garantiu não ter sido reembolsado por Trump do valor pago a Stephanie Clifford, conhecida na indústria da pornografia pelo nome de Stormy Daniels.

O pagamento era legal, segundo Cohen, que não especificou os motivos da entrega do dinheiro, refere o jornal.

As declarações do advogado surgem depois de alegações de que o atual presidente dos Estados Unidos terá pago 130 mil dólares (cerca de 105 mil euros) para silenciar a antiga atriz porno.