Intensos raios de sol refletidos por um frasco de Nutella foram a causa de um incêndio numa habitação em Londres, que não só matou o animal de estimação como deixou a família desalojada.

Declan Murphy, a mulher e as duas filhas estavam fora da habitação a festejar o seu aniversário quando se deu o incêndio, que começou no quarto de uma das meninas . No parapeito da janela estava o frasco de Nutella que deu origem ao fogo, que começou por se propagar às cortinas e rapidamente se espalhou pela casa.

«Quero garantir que outras pessoas tomem consciência dos perigos e saibam que devem manter os objetos de vidro longe das janelas e da luz solar direta, para não terem de passar por algo assim», afirmou um supervisor de eletricidade.


O cão da família estava preso dentro da habitação e acabou por morrer devido à inalação de fumo.

«Vai demorar cerca de um ano para que a casa fique pronta», disse Murphy.


O líder do corpo de bombeiros de Londres, Charlie Pugsley, afirma que os raios de sol causaram 125 incêndios nos últimos cinco anos e alertou que são um grande risco, não só no verão, como também no inverno.

«Parece improvável que um frasco de vidro com alguns elásticos cause um grave incêndio, mas foi exatamente isso que aconteceu. Vale a pena gastar cinco minutos para verificar se as janelas têm vidros ou cristais por perto, que possam levar a mudar potencialmente de vida», acrescentou o líder da corporação de bombeiros.