Slobodanka Tosic, ex-modelo da Playboy, foi condenada esta terça-feira a dois anos e meio de prisão por servir de isco para ajudar realizar um homicídio em 2006.

De acordo com as informações do Daily Mail, a modelo teria marcado um encontro falso com Djordje Zdrale, um mafioso que estaria alegadamente apaixonado por Tosic. O plano teria sido engendrado, segundo o tribunal bósnio, em conjunto com Darko Elez, que precisava de um chamariz para matar o seu adversário.

Zdrale foi ferido a tiro durante a tentativa de homicídio mas sobreviveu. Tendo sido condenado a 20 anos de prisão por outro crime, foi chamado a tribunal para testemunhar contra Tosic, então acusada de cumplicidade na tentativa de homicídio.

Foi provado em tribunal, segundo o Daily Mail, que Slobodanka Tosic pertencia à rede criminosa de Darko Elez, desmantelada em 2012.

Tosic, de 30 anos, tinha vencido o concurso de Miss Bósnia com 19 anos e tinha sido capa da revista Playboy da Sérvia em 2008. No mesmo ano, participou no reality show Survivor Srbija: Panama.