Uma refugiada da Síria, em busca de refúgio na Turquia, deu à luz enquanto fugia do grupo jihadista Estado Islâmico. Mesmo prestes a ter o bebé, a mulher de nome Nesra não hesitou em pegar nos pertences e fugir com outros milhares de conterrâneos que deixaram a Síria nos últimos dias.

De acordo com uma reportagem da BBC News, Nesra entrou em trabalho de parto no meio da caminhada e deu à luz o filho, que ainda não tem nome. Desesperada, a mulher só pensava em encontrar um lugar seguro na Turquia, longe dos ataques promovidos pelo Estado Islâmico.

«Nós não podíamos fazer nada, ninguém nos ajuda, nenhum país se importa. Eles atacaram-nos, mataram o nosso povo, queimaram as nossas casas», afirmou.

Nesra é uma entre as cerca de 130 mil pessoas que já cruzaram a fronteira com a Turquia nos últimos dias para fugir do terror promovido pelo Estado Islâmico.