A Guarda Costeira italiana resgatou um pequeno barco de imigrantes à deriva ao largo da costa sul da Itália.

De acordo com a «BBC», 120 imigrantes sírios foram retirados do barco que enfrentou o mar revolto, com grandes ondas e ventos fortes pelo menos durante 24 horas. De acordo com as autoridades, apenas a sombra do barco foi vista durante a sua procura.

O barco foi visto no domingo, após uma chamada de um telefone satélite de um cidadão egípcio a bordo, revelou a AFP.

A operação prolongada foi realizada nas águas do sul da Calábria, com duas lanchas de resgate, que encontraram o barco e resgataram os passageiros exaustos, entre eles muitas mulheres e crianças.

Os imigrantes foram transferidos para um navio da guarda costeira e levados para Itália.

O barco seguia a rota que leva milhares de imigrantes africanos e árabes para a Europa à procura de uma vida melhor.