Pelo menos 11 refugiados, dos quais cinco mulheres, quatro bebés e duas crianças, morreram afogados este domingo ao largo da ilha grega de Samos, no leste do Mar Egeu, quando a embarcação em que viajavam 30 pessoas virou, informou a guarda costeira grega.

Dez pessoas foram encontradas mortas na cabine do barco, que vinha da costa turca, enquanto o corpo de uma jovem foi encontrado na costa de Samos, onde dezenas de refugiados morreram nos últimos dias em naufrágios sucessivos.

Quinze pessoas sobreviveram ao naufrágio e pelo menos dois migrantes estão desaparecidos, segundo as autoridades.

Este é o segundo naufrágio em cerca de 24 horas junto às ilhas gregas. Pelo menos quatro refugiados, três dos quais crianças, morreram, no sábado, quando os três barcos onde seguiam naufragaram ao largo da ilha de Lesbos.