A Guardia Civil espanhola resgatou, na noite de quinta-feira, em Melilla, 15 crianças africanas que estavam escondidas num contentor de sucata e que tentavam entrar de forma ilegal em Espanha. 

Apesar do risco de asfixia, as crianças não precisaram de cuidados de saúde e foram entregues aos serviços sociais da cidade espanhola.

Os menores foram localizados pelas autoridades durante uma inspeção de segurança às instalações portuárias, relata o jornal espanhol El País

A Guardia Civil contou com o apoio de Unidades de Segurança Pública e de um detetor de batimento cardíaco portátil, que confirmou a existência de pessoas no interior do contentor e causou apreensão nos agentes devido ao peso e instabilidade da sucata.