A redação do jornal belga francófono «Le Soir» foi evacuada depois de ter recebido ameaças por telefone. Um indivíduo telefonou para o jornal a avisar que estava cansado da cobertura dada por aquele órgão de comunicação social ao caso «Charlie Hebdo» e que por isso ia «explodir» a redação.

«Isso vai explodir a vossa redação. Vocês não nos levam a sério», terá informado o indivíduo, que se identificou ao telefone, acrescentando que fazia esta reivindicação em nome «da extrema-direita».

De acordo com o «Le Soir» a identificação do individuo está a ser investigada pelas autoridades. 

A ameaça de bomba aconteceu ao início da tarde quando milhares de pessoas participavam na marcha solidária em Paris.