O ex-Presidente francês Nicolas Sarkozy foi este sábado eleito presidente do UMP com o apoio de 64,5% dos militantes deste partido de direita, uma votação confortável, mas mesmo assim distante do resultado com que sonhavam os  partidários.

De acordo com a direção do partido União por um Movimento Popular (UMP), os rivais de Sarkozt, Bruno Le Maire e Hervé Mariton, conseguiram 29,8% e 6,32% dos sufrágios, respetivamente, noticia a AFP.

Na primeira etapa da estratégia de reconquista do poder após ter sido derrotado em 2012 pelo socialista François Hollande, Sarkozy, de 59 anos, consegue superar o limiar dos 50%, o que lhe permite evitar uma segunda volta na próxima semana, mas fica abaixo do valor com que esperava iniciar esta nova fase sem contestação interna.