O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, inaugurou terça-feira em Caracas um novo sistema de videovigilância que visa ajudar a população e combater a insegurança que se regista no país.

O novo Sistema Integrado de Monitorização e Assistência (Sima), foi inaugurado no município Sucre, a leste de Caracas, e conta com 1.200 câmaras de vídeo e duas salas de controlo.

«Vamos estabelecer um sistema de apoio ao mais alto nível tecnológico, para ir ordenando as cidades que têm mais problemas do ponto de vista social e de segurança», disse.

Os emigrantes portugueses têm sido vítimas de vários sequestros na Venezuela. Ainda há poucos dias, vários homens armados sequestraram esta quinta-feira um areeiro madeirense e assassinaram o seu filho na localidade venezuelana de Tacágua Vieja, Caracas, avançaram fontes familiares à Agência Lusa.

Segundo as fontes, Alberto Teixeira, 54 anos e o filho, Richard Teixeira, foram intercetados por desconhecidos pelas 06:20 horas locais de quinta-feira(10:50 horas em Lisboa), quando ambos chegavam à processadora de areia Minata, propriedade da família que é originária da Serra de Água, Madeira.