O Canadá e os Estados Unidos emitiram avisos devido ao frio, que gerou dificuldades a meio da tarde desta segunda-feira, com atrasos nos aeroportos de Toronto e Montreal, mas também nos de Chicago, Minneapolis ou Buffalo.

As dificuldades nos aeroportos tinham começado no fim de semana devido a uma tempestade de neve, seguida de chuvas com queda de gelo.

As autoridades canadianas emitiram alertas para diversas províncias do país, nas quais foi pedido aos habitantes para tomarem precauções face a temperaturas abaixo de zero.

No Canadá, o frio extremo está a afetar o este do Quebeque, a Terra Nova, o centro de Ontário e de Manitoba e Alberta, a oeste do país.

Pelas 18:00 (hora de Lisboa) desta segunda-feira, os termómetros marcavam -18°C em Otava Ottawa (Ontário), -23°C em Winnipeg (Manitoba), -21°C em Edmonton (Alberta), -20°C em Green Bay (Wisconsin, Estados Unidos), -19°C em Fargo (Dacota do Norte) ou -17°C em Chicago (Illinois, Estados Unidos).

As condições meteorológicas devem agravar-se terça-feira e nos dias seguintes devido às previsões de neve e de frio para aquelas regiões.

No Canadá as temperaturas podem chegar dos -38 graus até aos -45 graus, o que representa perigo de enregelamento e hipotermia.