O presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, disse esta quinta-feira que se deve honrar a memória do antigo Presidente sul-africano e Prémio Nobel da Paz Nelson Mandela, que faleceu esta quinta-feira, com um compromisso coletivo com a democracia.

Van Rompuy, numa mensagem deixada na rede social Twitter, definiu Mandela como «uma das maiores figuras políticas do nosso tempo».

«Honremos a sua memória com o compromisso coletivo com a democracia», referiu o político, como cita a Lusa.

A morte de Nelson Mandela, aos 95 anos, em Joanesburgo, foi anunciada pelo Presidente da República da África do Sul, Jacob Zuma, numa comunicação televisiva.

Líder da luta contra o «apartheid», Nelson Mandela foi o primeiro presidente negro da África do Sul, entre 1994 e 1999.