Pelo menos 12 pessoas morreram hoje na Birmânia num ataque armado de rebeldes da minoria muçulmana 'rohingya' contra postos da polícia e controlos militares no estado de Rakhine, no oeste do país.

O governo da Birmânia informou, em comunicado, que cerca de 150 rebeldes participaram neste ataque, durante a madrugada, contra vários pontos do município de Maungdaw, perto da fronteira com o Bangladesh.

Cinco polícias e sete rebeldes morreram nos confrontos desencadeados pelo ataque.