O desabamento, na última semana, de uma mina ilegal no norte de Moçambique causou 10 mortos, disse esta segunda-feira a administradora do distrito de Memba, província de Nampula, Felisbela Langa.

O «número real de vítimas mortais no desabamento da mina de ouro em Mazua é de 10 indivíduos», disse a responsável, em declarações aos jornalistas.

Felisbela Langa garantiu que, na altura do desabamento, «estavam na mina 25 pessoas, das quais 10 perderam a vida no local, 15 foram resgatadas com vida, estando uma delas em estado grave».