O governo austríaco anunciou, nesta sexta-feira, que vai construir uma vedação de rede de 3,7 quilómetros de comprimento na fronteira com a Eslovénia para assegurar a entrada ordenada de migrantes pelo posto fronteiriço de Spielfeld.

A vedação, que deverá estar terminada dentro de menos de seis semanas, será a primeira entre dois países membros do espaço de livre circulação europeu Schengen.

“Estamos a falar de uma entrada ordenada e não de uma barreira”, disse à imprensa o chefe de gabinete do chanceler austríaco Werner Faymann, Josef Ostermayer.

Já no final de outubro, a ministra do Interior, Johanna Mikl-Leitner, tinha anunciado a construção deste gradeamento.

A Áustria vai, assim, tornar-se no terceiro país a erguer uma vedação devido ao fluxo migratório dos últimos meses,  depois da Hungria, que construiu já duas cercas nas fronteiras com a Sérvia e Croácia. e da Eslovénia.

(foto arquivo)