O primeiro-ministro Tony Abbott anunciou “uma abordagem equilibrada” a este respeito, sobre a qual dará mais pormenores nos próximos dias, e assegurou que o seu país “vai responder com a força e generosidade” que o caracterizam.

O Governo conservador de Abbott, que impõe uma rígida política contra a imigração ilegal, quer acolher mais refugiados sírios sem modificar o contingente anual do seu programa de vistos humanitários.