Um grupo de seis pessoas mascaradas invadiram um estúdio de televisão da cadeia Raajje, em Malé, nas Maldivas, e incendiaram o local. O ataque foi captado pelas câmaras de segurança.

A estação de televisão Raajje apoia o ex-presidente Mohammed Nasheed, que alega que foi forçado a renunciar por causa de um golpe de Estado no ano passado. As Maldivas vivem agora um momento de tensão política.

Nas eleições de Setembro, Mohammed Nasheed recebeu 45 por cento dos votos, mas o Supremo Tribunal anulou o sufrágio, alegando irregularidades. Novas eleições foram convocadas para 20 de Outubro.