O fragmento de asa de avião descoberto na ilha da Reunião, no Oceano Índico, chegou este sábado a França para ser analisado e apurar se corresponde ao Boeing 777 do voo MH370 da Malaysian Arlines desaparecido em 2014.

O avião, procedente da ilha da Reunião, aterrou às 06:20 (05:20 em Lisboa) no aeroporto de Orly, em Paris, a partir de onde vai ser transferido para Toulouse.

Nos arredores dessa cidade do sul de França encontra-se o laboratório onde vai ser examinada a peça, o DGA TA, dependente do Ministério de Defesa e especializado em investigações técnicas sobre acidentes de aviões.

Entretanto a Boeing anunciou que vai enviar uma equipa técnica a França para “ajudar” na peritagem da peça do avião.

O fabricante aeronáutico do avião desaparecido, do modelo Boeing 777, assegurou que continua "comprometido" com a investigação e busca do avião da Malaysia Airlines.