O Vietname divulgou um segundo aviso à China, no espaço de uma semana, depois de mais aeronaves chinesas aterrarem num recife disputado no Mar do Sul da China, acusando Pequim de “ameaçar a paz”.

A imprensa oficial chinesa noticiou, na quarta-feira, que dois aviões civis aterraram numa das ilhas de um recife nas disputadas Ilhas Spratly, reivindicadas por Hanói mas controladas por Pequim.

As aterragens são “graves violações da soberania do Vietname e uma ameaça à paz e estabilidade da região”, disse o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Le Hai Binh, num comunicado divulgado na quinta-feira à noite.