A polícia de Hong Kong está à procura de uma adolescente, entre os 12 e os 14 anos, que terá roubado de uma joalharia um colar com diamantes incrustados avaliado em 4,1 milhões de euros.

De acordo com a CNN, as autoridades referem que a rapariga realizou o furto com a ajuda de duas mulheres e de um homem, todos com idades entre os 30 e 40 anos. Os adultos fizeram-se passar por clientes enquanto a menina roubou o colar.

Trata-se de um colar em ouro com mais de 30 diamantes. A polícia confirmou que o colar estava avaliado em 4,6 milhões de dólares de Hong Kong (cerca de 4,1 milhões de euros).

A rapariga terá conseguido roubar a chave de uma gaveta para abrir o armário enquanto os funcionários estavam distraídos, informa a CNN, citando uma fonte policial não identificada.

«Os três adultos fizeram-se passar por clientes à procura de peças de luxo e pediram aos empregados para lhes mostrarem joias, numa aparente manobra para desviar as atenções dos empregados», afirmou a fonte.

O grupo passou cerca de meia hora na loja, fingindo escolher joias. Os quatro abandonaram a loja antes de os funcionários se terem apercebido da falta do colar, o que só aconteceu horas mais tarde.