O primeiro-ministro australiano, Kevin Rudd, prometeu esta segunda-feira apresentar uma proposta de legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo se for reeleito em setembro.

Rudd disse que, se for reeleito a 07 de setembro, apresentará num prazo de 100 dias uma proposta de lei para tornar possível o casamento homossexual na Austrália, tendo sido o primeiro líder do Governo australiano a fazer tal promessa.

«Francamente, em 2013, acho que já chegou o momento de pormos este debate amargo atrás das costas», disse Rudd, que se tinha manifestado anteriormente contra o casamento homossexual, em declarações aos jornalistas.