Quatro polícias morreram, esta madrugada, na sequência de um ataque contra a residência do ministro do Interior, em Kasserine, no centro-oeste da Tunísia, revelou um porta-voz ministerial à AFP.

«Quatro polícias foram mortos e outro ficou ferido durante um ataque terrorista com espingardas Kalashnikov, que teve como alvo a casa do ministro do Interior», disse Mohamed Ali Aroui à agência noticiosa francesa.

Não foram divulgadas informações precisas sobre quem estaria no interior da casa no momento do ataque, mas o ministro do Interior Lotfi Ben Jeddou reside habitualmente em Tunes, embora a mulher e os filhos vivam em Kasserine.

Um correspondente da AFP no local viu vestígios de sangue nas paredes exteriores e no pavimento a poucos metros da casa.