O fundador do Centro Cabalístico baseado em Los Angeles, nos Estados Unidos, e inspirador de celebridades, Philip Berg, morreu na segunda-feira aos 86, anunciou a instituição.

Conhecido com Rav entre os seus seguidores, Philip Berg estava doente depois de ter sofrido um derrame em 2004, segundo o Los Angeles Times.

«O Kabbalah Centre (nome oficial do centro) está profundamente triste ao anunciar a morte do nosso professor Rav Berg», refere uma nota publicada no sítio da Internet do centro.

O centro foi fundado em 1965 e tem sido alvo de críticas pela forma lucrativa e associação a celebridades com que apresenta e difunde o antigo misticismo judaico, acrescentou o jornal.

No entanto, os responsáveis do centro sublinham que Berg «criou uma plataforma» para que milhões de pessoas aprendam e vivam em harmonia com as leis do universo.

O Centro de Los Angeles, que atraiu celebridades como Madonna, Demi Moore, Ashton Kutcher e Britney Spears, será agora orientado pela mulher de Berg, Karen.