A erupção do Monte Ontake, o segundo vulcão mais alto do Japão fez, este sábado, pelo menos oito feridos. O Monte Ontake fica a 100 quilómetros de Nagoia.

A erupção provocou uma gigantesca nuvem de fumo, que pode ser vista a quilómetros de distância e obrigou a desviar a rota dos aviões que passam na região.

O Monte Ontake, de 3 067 metros altura, começou a expelir fumo e cinzas às 11:53 locais (03:53 em Lisboa), de acordo com a Agência Meteorológica Japonesa (JMA). A JAM aconselha as pessoas a não se aproximarem do vulcão.

A agência prevê que ocorram mais erupções que poderiam afetar os moradores mais próximos e alertou em particular sobre a queda de cinzas vulcânicas num raio de quatro quilómetros, mas não considera, para já, a evacuação da área.