Cerca de 1500 imigrantes ilegais foram resgatados, nas últimas 24 horas, no mar Mediterrâneo, ao largo de Itália.

Os imigrantes estavam a bordo de cinco embarcações e foram resgatados pela marinha italiana, perto da ilha de Lampedusa.

A maioria são provenientes da Líbia e terão sido detetados depois de usarem um sinal satélite para emitir um alerta. Depois de resgatados, foram encaminhados para Lampedusa e Sicília.

Entre janeiro e fevereiro o número de imigrantes ilegais apanhados no mediterrâneo aumentou quase 50%, em comparação com o mesmo período do ano passado.
 
Estima-se que em 2014 cerca de 170 mil imigrantes tenham entrado na União Europeia através de Itália.