O Irão testou um míssil de longo alcance capaz de atingir Israel ou as bases norte-americanas no Golfo. Segundo a agência IRNA, o presidente do Irão, Mahmoud Ahmadinejad, confirmou o lançamento do fogu Sejil 2, que atinge o alcance de 2000 quilómetros. O Presidente do Irão refere-se ao míssil como um avanço aeroespacial e não menciona qualquer intenção bélica.

«Hoje a República Islâmica conseguiu um novo feito no que toca à fabricação de foguetões. É um novo e um grande êxito para a Organização Aeroespacial Nacional», mencionou um mandatário do presidente iraniano.

Segundo Ahmadinejad, novo míssil é uma nave composta por duas cápsulas capaz de atravessar a atmosfera e de colocar-se em órbita.

No entanto, para a comunidade internacional a verdadeira preocupação é alcance do engenho, de características semelhantes ao Shabab 3, capaz de chegar a Israel e às bases norte-americanas no Golfo Pérsico. Recorde-se que no mês de Fevereiro colocou em órbita primeiro satélite de comunicações de fabrico próprio.

Os Estados Unidos e Israel temem que esta seja uma forma de o regime iraniano esconder o programa nuclear.