A Venezuela vai candidatar-se a membro não permanente do Conselho de Segurança da ONU, anunciou, esta quarta-feira, o ministro de Relações Exteriores venezuelano, Elías Jaua.

O anúncio foi feito durante a 17.ª Conferência de Ministros das Relações Exteriores do Movimento de Países Não Alinhados (MPNA), que teve lugar na capital da Argélia.

«O nosso país quer fazer chegar às distintas delegações que participam nesta conferência ministerial do MPNA a decisão soberana de apresentar a nossa candidatura ao Conselho de Segurança, como membro não permanente, durante o período 2015-2016».

O ministro venezuelano precisou que as eleições terão lugar «no quadro do 69.º período de sessões da Assembleia Geral das Nações Unidas», no próximo mês de outubro.

Segundo Elías Jaua, tratar-se-á da única candidatura da América Latina e Caraíbas e que, caso seja eleita, a participação da Venezuela coincidirá com a presidência do MPNA, que Caracas assume em 2015.