As autoridades suíças já comunicaram à Croácia a decisão do Governo da confederação helvética de não conceder mais autorizações de residência a cidadãos croatas. Contudo, ainda não se sabe quando é que a medida vai entrar em vigor.

O resultado do referendo proíbe a Suíça de subscrever tratados internacionais que permitam uma imigração ilimitada, como aquele que foi assinado em julho passado entre Berna e Zagreb.