Atualizado às 15:21

Um homem fez vários reféns na cidade de Ingolstadt, no sul da Alemanha, poucas horas antes de uma visita de Angela Merkel, avança a BBC. De acordo com o jornal alemão «Bild», são três as pessoas sob sequestro. No entanto, de acordo com o jornal «Donau Kurier», um dos reféns foi libertado cerca das 14.30 locais.

As autoridades estão em contato com o suspeito, que está armado, mas os motivos do sequestro ainda são desconhecidos. Os reféns estão fechados no gabinete do presidente da câmara local e o edifício foi evacuado pela polícia. Aliás, uma parte da cidade foi mesmo encerrada.

As autoridades não estabelecem uma ligação direta entre o incidente e a visita da chanceler alemã, no entanto, o discurso de Merkel na cidade, deveria ser feito em frente à Câmara Municipal, onde decorre o sequestro.

As autoridades também não sabem ao certo que arma o suspeito tem na sua posse.

Entretanto, segundo a Reuters, o partido que apoia Merkel, CDU, fez saber que o comício na cidade foi cancelado.