Perto de 500 imigrantes da Birmânia e Bangladesh foram resgatados, este domingo, do mar na província de Aceh, na ponta norte da ilha de Sumatra, na Indonésia, informou um oficial dos serviços de socorro e emergência deste país asiático.

“Fomos alertados por pescadores de que barcos com pessoas estavam em apuros no mar, ao norte de Aceh. Enviámos equipas para o local que resgataram 469 imigrantes Rohingyas da Birmânia e Bangladesh. Há mulheres e crianças. Até agora, estão todos bem”, disse o chefe dos serviços de emergência provinciais, citado pela agência de notícias francesa AFP.

Este responsável acrescentou que o grupo de pessoas foi levado para um centro de detenção, situado a norte da província de Aceh, onde a polícia e oficiais dos serviços de imigração vão investigar o sucedido, incluindo as motivações desta viagem.