Os talibãs tomaram o controlo de um distrito estratégico da província de Helmand, sul do Afeganistão, depois de o vice-governador ter avisado que a região estava “a ponto de desmoronar-se” às mãos dos rebeldes, noticia a agência Efe.

As tropas afegãs no distrito de Sangin decidiram esta noite retirar-se do complexo onde estão os escritórios governamentais, para evitar assim que aumentem as baixas entre os seus membros, disse uma fonte militar que pediu o anonimato.

“Foi uma retirada estratégica para evitar mais baixas entre as forças de segurança”, afirmou, escusando-se a dar mais detalhes sobre o número de mortos e feridos durante os confrontos com os talibãs em Sangin.


(Foto de arquivo)