A meta da coligação da esquerda radical (Syriza) para as eleições antecipadas na Grécia é conseguir “uma maioria absoluta” para governar nos próximos quatro anos, afirmou este domingo o ex-primeiro-ministro e líder do partido, Alexis Tsipras.

Na sexta-feira, o presidente da Grécia, Prokopis Pavlopoulos, convocou eleições legislativas antecipadas naquele país para 20 de setembro.

Numa entrevista ao semanário grego Realnews sobre a questão das eleições antecipadas, Alexis Tsipras, que procura conquistar um segundo mandato como primeiro-ministro, respondeu:
 

“É simples, claro e democrático: pedimos um mandato forte, uma maioria absoluta para um governo do Syriza”.


O ex-primeiro-ministro grego quer "acabar com o bipartidarismo da Nova Democracia do Pasok".
 

"É fundamental não voltar atrás e dar um salto em frente."