Christopher Kiezek é um menino de 6 anos que quer uma Xbox para o Natal. Numa visita ao «Pai Natal», num centro comercial em Long Island, Nova Iorque, EUA, Christopher pediu a consola, mas também algo mais.

Segundo a «My Fox NY», Christopher nasceu sem parte do braço esquerdo e, quando se sentou ao colo da figura natalícia, decidiu pedir também uns «dedos» para poder jogar.

Os pais de Christopher já tinham pedido à sua companhia de seguros de saúde para que auxiliasse na compra de uma prótese, mas viram o pedido negado porque um braço biónico «não é clinicamente necessário».

Robert Jackson, um amigo da família, decidiu que a companhia de seguros não tinha o direito de «estragar o Natal» à criança, então decidiu começar uma campanha de doações para obter cerca de 25 mil dólares (cerca de 18,2 mil euros) que pagaria cerca de metade da prótese.

A televisão local cobriu a história e, a partir daí, as doações não param de aumentar. O objetivo inicial de 25 mil dólares foi já duplicado e as doações já ultrapassam os 50 mil dólares (cerca de 36 mil euros).

Os pais da criança já expressaram a sua gratidão pela iniciativa e já afirmaram que todo o dinheiro que sobrar irá para um outro fundo para ajudar crianças como o Christopher.

Pode ver a campanha aqui.