Uma turista italiana de 29 anos foi encontrada morta na tarde de quinta-feira, no Ceará, a cerca de 300 quilómetros de Fortaleza, junto à praia turística de Jericoacoara. Segundo a polícia, Gaia Molinari sofreu vários golpes com objetos cortantes no corpo e no rosto antes de ser asfixiada por estrangulamento.

A imprensa brasileira dá conta de que a Prefeitura de Piacenza já contactou o consulado italiano em São Paulo e a família já foi colocada a par da morte. Ainda não há suspeitos identificados, mas a Divisão de Homicídios está à procura.

Tendo em conta que o caso está referenciado como homicídio, a trasladação do corpo para Itália deverá demorar mais do que o habitual.

A jovem, que estava a participar num projeto de ajuda a crianças carentes, dava notícias aos amigos através do Facebook, onde ia postando fotos. Chegou ao Brasil no dia 21 e deveria partir no dia 24 do local onde foi encontrada morta, mas acabou por prolongar por mais um dia a viagem. Acabou por morrer no dia de Natal.