Pelo menos 18 pessoas morreram este sábado na China na sequência de um incêndio num hotel na cidade de Harbin, capital da província de Heilongjiang (nordeste), anunciou a agência Xinhua.

Às 10:50 [03:50 em Lisboa], já tinham sido confirmadas 18 vítimas e as operações de resgate continuam", segundo a Xinhua, que cita fontes de bombeiros da província.

 

Já está em andamento uma investigação para determinar as causas do incêndio", acrescentou.

Os incêndios em edifícios são comuns na China, onde as regras de segurança são regularmente negligenciadas. Dezoito pessoas foram mortas e cinco ficaram feridas, em abril, no incêndio de um espaço de karaoke no sul do país.

Em novembro, um incêndio deixou 19 mortos e oito feridos numa pensão no sul de Pequim.