A chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini, afirmou esta segunda-feira que a intervenção militar da Rússia na Síria "alterou as regras do jogo" perante o conflito.

Moghrini falava na cidade do Luxemburgo, à entrada para a reunião dos ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia, que será dominada pelo conflito na Síria.

"É uma alteração das regras do jogo, com aspectos muitos preocupantes. É preciso uma maior coordenação, caso contrário poderá tornar-se extremamente perigoso não só do ponto de vista político, mas também militar", disse Federica Mogherini.


A reunião dos ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia, onde Portugal está representado por Rui Machete, servirá para discutir a questão dos refugiados, a situação da Síria e o apoio a dar ao enviado especial das Nações Unidas para o país, a Staffan de Mistura.

Este conselho de ministros decorre poucos dias depois do primeiro voo de recolocação de refugiados, que levou um grupo de eritreus de Itália para a Suécia.

Com este início do processo a Comissão Europeia espera que se tornem mais comuns as recolocações por todo o espaço comunitário, enquanto pretende também acelerar as repatriações de migrantes sem direito a solicitar asilo.

No final da semana decorrerá uma cimeira europeia, que juntará chefes de Estado e do Governo em Bruxelas, com a migração novamente na agenda dos debates.