As autoridades penitenciárias do Texas executaram quarta-feira na prisão de Huntsville o recluso José Luis Villegas, condenado em 2002 por triplo homicídio.

Tornou-se no sétimo preso, e terceiro hispânico, executado no Texas este ano, mais do que em qualquer outro estado norte-americano.

José Luis Villegas, 39 anos, natural do Texas, foi declarado morto às 10:04 (01:04 em Lisboa), meia hora mais tarde do que o programado por ter sido necessário esperar pela decisão do Supremo Tribunal às alegações dos advogados do detido.